BlogBlogs.Com.Br

sexta-feira, 31 de julho de 2009

Ah, sim, o Céu, as nuvens, essas coisas...


Neste blogue praticam-se a Liberdade e o Direito de Expressão próprios das Sociedades Avançadas

O íntimo espirro que ligará o Santiago Barnabéu à chuva de milhões da Indústria Farmacêutica

Neste blogue praticam-se a Liberdade e o Direito de Expressão próprios das Sociedades Avançadas

Imagem do KAOS

Há um axioma da Sociologia, cadeira que nunca tive, mas, mesmo assim, consegui fazer a copiar, que diz que "A Gripe dos Porcos apenas terá uma validação mundial quando Cristiano Ronaldo a apanhar".
Eu sei que parece obscuro à primeira vista, mas isso é porque andamos todos numa de Avastin. A anedota sobre o Califa Omar é maligna, e tenta explicar por que é que os Cristãos, uma das piores pragas que caiu sobre a Humanidade, tinham decidido destruir a Grande Biblioteca de Alexandria, porque ler, como se sabe, sempre foi perigoso. Puseram a correr que Omar teria incendiado a Biblioteca com o pretexto de que o que lá estava, ou não estava no Corão, e, portanto, não interessava, ou já estava no Corão, e, logo, não se justificava a repetição.
Hoje em dia, tudo o que não é Cristiano Ronaldo não interessa, e quando tudo o que interessa já está em Cristiano Ronaldo, então por que olhar em outra direção que não na dele?...
Depilar as pernas, como se sabe, faz mal. Os pelos são uma proteção natural, como bem sabem as mulheres da Nazaré, quando sopra aquele frio cortante do Inverno, e elas enrolam os pulsos no bigode, para suportar os sopros hiperbóreos. Mal das mulheres da Nazaré, pois, se não tivessem bigode. Cristiano Ronaldo, pelo contrário, usa aquelas ceras a frio que o fazem soltar "ais" do género da "rola", quando visita a sala de estar de muito boa gente bem casada da nossa praça.
Há algo de espantoso nas pernas de Cristiano Ronaldo, posto que, apesar de ser atleta de alta competição, e fazer aquela dança com a bola, que fascina os pigmeus de todas as Europas Centrais, mas que não é mais do que um derivado do Bailinho da Madeira, versão subúrbio mal nutrido, dizia eu, Cristiano Ronaldo tem umas pernas de senil, como têm os reformados de 75 anos. Os pelos disfarçavam, mas como ele os arranca com o "ai", fica expota aquela pele descorada de galinha, a canela desnuda, e a má distribuição muscular. Alzheimer já anda por ali, e imagino em que estado estará, de aqui a dez anos, mas o problema é dele e de quem lhe empolou a imagem, não meu.
Quando as pernas de Cristiano Ronaldo apanharem a Gripe dos Porcos vai ser um desastre mundial, e toda a gente vai querer imitá-lo, como naquela história das cerdas coladas com cuspo para o alto da cabeça, os brinquinhos de vidro rasca, e os cintos de "poupette" descaídos. Vai ser uma corrida ao contágio, e não haverá Sistema de Saúde que aguente. Objetivamente, quando toda a gente estiver contaminada, a Gripe desaparecerá, e passará a ser um estado de alma, pelo que a vacina até é coisa elementar: basta que apanhemos todos, e rapidamente.
O berço da coisa até já está construído: é o Balneário, que representa no imaginário de qualquer suburbano o mesmo que o Santos dos Santos representava para os Hebreus, no Templo, antes de demolido, por violar a cércea e a volumetria de Jerusalém. No fundo, no fundo, com toda a sua carga homoerótica, o Balneário é o ai jesus e os suspiros de gente que nem sonha que está com tusa por aquela nojeira. Na verdade, tudo o que lá se passa é mau: os vapores, uns gajos porcalhões, todos nus e transpirados, e sempre de boca aberta, entre dois palavrões. Fisiologicamente, para dizer "caralho" -- a palavra estatisticamente mais usada lá dentro -- movem-se muitos músculos dos maxilares, e a boca abre-se a três quartos da sua capacidade máxima, o que representa uma autêntica porta toda aberta para o vírus; se passarmos para o "vai te foder!...", outro dos clássicos de balneário, não só a dentição se move rapidamente, num movimento ondulatório, como ainda há uma labial final, que puxa o vírus bem para dentro das papilas gustativas.
Em resumo: há todas as hipóteses de Cristiano Ronaldo ser um dos primeiros contaminados com a Gripe dos Porcos e isso vira a gerar, brevemente, uma corrida descontrolada à doença.
Se me perguntarem no que é que nós, formigas, lucramos com isso, posso ser cínico e dizer que, bem juntos, neste dois em um, em vez de termos de gramar com 20 minutos de Gripe A e mais 20 minutos de Ronaldo, quando queremos saber o que realmente está a acontecer no Mundo, pode ser que as almas caridosas que conduzem a desinformação televisiva nos reduzam esse suplício a um compacto de 25 minutos. Pode ser, sim, pode ser, tenhamos esperança...

(Heptágono da "Silly Season" no "Aventar", no "AAATCHOO", no "Arrebenta-SOL", no "Democracia em Portugal", no "Klandestino", no "A Sinistra Ministra" e em "The Braganza Mothers")

quinta-feira, 30 de julho de 2009

Céu azul algo poluído




Neste blogue praticam-se a Liberdade e o Direito de Expressão próprios das Sociedades Avançadas





O Mundo rosa e as contas do aborto

Neste blogue praticam-se a Liberdade e o Direito de Expressão próprios das Sociedades Avançadas



Por isso, o Governo paga mais actualmente para abortar do que para incentivar a natalidade do país! Faz sentido no Mundo rosa!

Mas isto faz sentido?

Ensaio sobre a cegueira via Felgueiras

Neste blogue praticam-se a Liberdade e o Direito de Expressão próprios das Sociedades Avançadas


Eu nunca vi tamanha justiça em Portugal. Portugal vive uma justiça saúdavel, mas não é para os cidadãos comuns...

Depois disto, a senhora, que tinha empresas com o José Sócrates e sua amiga pessoal, a Justiça decide isto... E melhor disto tudo é poder reencandidatar à Câmara Municipal de Felgueiras!

António Costa apresenta o autocarro escolar que irá levar as crianças de Lisboa a visitar o candidato de Almada, Paulo Pedroso: só luxos


Neste blogue praticam-se a Liberdade e o Direito de Expressão próprios das Sociedades Avançadas

PARA LER, COM TODA A MALDADE DO MUNDO, NO "INSTANTE FATAL"

Pronto, a Fatinha já está despachada, agora, só falta eleger o Paulo Pedroso e entregar a grelha de programação da RTP1 ao Carlos Cruz


Neste blogue praticam-se a Liberdade e o Direito de Expressão próprios das Sociedades Avançadas

Imagem KAOS

AGORA TEM DE SER INDEMNIZADA POR TER VIVIDO NUMA FAVELA, OU EM FELGUEIRAS, VAI SER À ESCOLHA DA ARGUIDA

Santa Maria da Feira é a primeira zona do País a assumir hoje, oficialmente, o regresso à Idade Média. Espera-se um efeito dominó


Neste blogue praticam-se a Liberdade e o Direito de Expressão próprios das Sociedades Avançadas

LEYA NO "SOL"

Revelado último vídeo pedófilo de Michael Jackson




Neste blogue praticam-se a Liberdade e o Direito de Expressão próprios das Sociedades Avançadas

AGORA VÃO PARA A CASA PIA, COMO OS OUTROS, À ESPERA DA DERROTA DE ALMADA

País em sobressalto: depois de morder os agressores, tentou atacar o GNR também à dentada


Neste blogue praticam-se a Liberdade e o Direito de Expressão próprios das Sociedades Avançadas

YES THEY CAN

Ex Administrador do BPN apanhado, depois de andar 16 anos escondido em cavernas




Neste blogue praticam-se a Liberdade e o Direito de Expressão próprios das Sociedades Avançadas

Os parasitas do Sistema Socialista que vivem em simbiose


Luís Fazenda afirmou que só deixava a Assembleia da República, caso fosse vereador com pasta em Lisboa. Ou seja, ele fará coligação com o PS...

Os lisboetas têm que estar atentos a este partido "parasita" e vejam que votar PS ou BE é a mesma coisa!

Adenda a "O Miguel Vale de Almeida quer é "gaijas"

Neste blogue praticam-se a Liberdade e o Direito de Expressão próprios das Sociedades Avançadas

Imagem do KAOS

Os processadores de texto são uma chatice, vai na volta, perdem-se parágraphos inteiros, e tudo.... No caso do têxto do Miguel Vale de Almeida, perderão-se dois, que passo a reprodüzir:
"[...] Miguel Vale de Almeida tem uma espantosa póse de animatógrapho e mais um horrêndo defeito: nas vidas de um "gay", ninguém arranja as unhas, porque é uma vida marcada por tôdolos eventos e marcas da agrura: ele é onde bem se calha, com quem calha, e quando menos a alma se nos espera, pelo que não houvera memória de que se arranjássem unhas para ir para o engate, a menos que per lá houvesse câmara ou daguerréothipo para fixar tal momento... Se assim se faz em preparos para as entrevistas, que ao somenos lhe apontassem as lentes para os ditos dedos, e não sempre para aquela pose de pescoço de garça, de Nefertiti, com os cabêllos todos cheios de graxas e brilhantinas de baixo custo.
Este é o defeito, e a virtude vem no fim, porque algumas das vozes com peso no Chiaddo, nos intervalos dos caffés e biscöitos, dizem que, enquanto bóta fâladura, sabe cruzar as pernas como ninguém, virtude desueta nos tempos que correm, e arte perdida, dizem os entendidos, desde o Neolíthico, era em que assim se fazia, e ela bate-las todas, pois não há melhor Zsa Zsa Gabor do que ele, em tal arte de traçar as coxas.
Finalmente, é côusa sabida que durará pouco tempo nas Côrtes, pois haverá de vir logo esganada com propostas de leggislações que nem ao dêmo lembrariam, só deus sabe, isso de querer que, dor'avante, nas Côrtes houvessem quota e assento 50% de homens com hábitos contra a Natureza. Como se alguma vez os que já lá se encontrão assentados acedessem a deixar os lugares que já detêm, para que só por lá poisassem 50% dos da laia deles?...

(Aventado no "Aventar", no "Arrebenta-SOL" e em "The Braganza Mothers" )

quarta-feira, 29 de julho de 2009

"The Braganza Mothers", no dia em que a fortuna dos Portugueses mais ricos encolheu, e a dos mais pobres ainda conseguiu encolher mais


Neste blogue praticam-se a Liberdade e o Direito de Expressão próprios das Sociedades Avançadas

O culpado, afinal, sempre era o mordomo...


Neste blogue praticam-se a Liberdade e o Direito de Expressão próprios das Sociedades Avançadas

PARA LER NO "XATOO"

Novo outdoor do PS para as Legislativas

Neste blogue praticam-se a Liberdade e o Direito de Expressão próprios das Sociedades Avançadas

Já é oficial: Malam Bacai Sanhá é o novo senhor das Rotas da Droga, na Guiné-Bissau


Neste blogue praticam-se a Liberdade e o Direito de Expressão próprios das Sociedades Avançadas

PARABÉNS!!!!

Debate entre o Presidente da Câmara Municipal de Lisboa e o Presidente da Câmara do Martim Moniz




Neste blogue praticam-se a Liberdade e o Direito de Expressão próprios das Sociedades Avançadas

Em Viseu, começam a andar na vida, desde pequeninos. O Estado está a pensar numa forma de tributar


Neste blogue praticam-se a Liberdade e o Direito de Expressão próprios das Sociedades Avançadas

VISEU GEMINOU-SE COM ALMADA

Padres vão passar a recibo verde, e excomunhões passam a ter limite de quotas anual


Neste blogue praticam-se a Liberdade e o Direito de Expressão próprios das Sociedades Avançadas

DEUS ACORDOU!...

SinhÔ: Nêgâ vai ficà ricâ???...


Neste blogue praticam-se a Liberdade e o Direito de Expressão próprios das Sociedades Avançadas

Ó ILDA METE OS PUTOS NA BARRACA QUE VEM AÍ O PUGRÈSSO!!!...

Pedro Santana Lopes retoma Presidência da Câmara de Lisboa

Neste blogue praticam-se a Liberdade e o Direito de Expressão próprios das Sociedades Avançadas

Imagem KAOS

Convenhamos que o Martim Moniz é um espaço demasiado pequeno para fazer flores. Na minha ótica, aquilo só lá ia demolindo tudo e recomeçando do zero. António Costa não tem dinheiro nem para mandar cantar um Avestin, quanto mais para demolir o que quer que seja. No fundo, o que veio dizer para o debate é que ia substituir uns Chineses por uns Paquistaneses, agarrar numa miúdas do Punjab, que se prostituem a pedófilos e colocá-las na Clube das Virgens, e pouco mais. O Isaltino prometeu-lhe uma rotunda, mas é provável que não chegue a tempo útil, e o projeto do Grande Túnel, que ligará Madrid a Nova Iorque, evitando qualquer escala em Lisboa, parece-me... parece-me... no momento presente, que é pura demagogia.
Santana Lopes, pelo contrário, tem uma ideia para Lisboa, que está no subconsciente de cada Lisboeta: uma espécie de planície de casinos e de putas, onde cada um de nós teria uma fatia da "beautiful people" que clama, dentro de nós, um bruto bronze o ano inteiro, gajas louras e fúteis, às gargalhadas, a passar de festa em festa, umas piscinas los angelianas, com as cores exatas do Hockney, whisky, coca, e nada daquelas merdunças de três horas para cá e três horas para lá, de trânsito, para ganhar 600 €, e depois apanhar com uma gaja cheia de varizes e três goelas esfoemadas, num subúrbio para trás do sol posto, a escorrer umidade.
Objetivamente, não sou Santanista, mas acho que, se o Otimismo, neste preciso instante, se chamar Santana, passarei a ser. Ando farto de gajos que contam tostões e falam de austeridade, de ASAEs, de avaliações, de trabalho, de porcarias que nunca deram felicidade a ninguém, e acho que precisamos de alguém que nos diga que a Vida é uma festa, e transforme esta cidade num festival.
La Movida de Lisboa, com 20 anos de atraso.
O desafio é arriscado, mas, se o dinheiro do tráfico da coca e das armas for desviado, digamos, na casa dos 10%, para transformar Lisboa numa Las Vegas, acho... interessante. Antes isso que esta espécie de pré Brandoa, para que caminhamos. Trazer gajas para vender o corpo... não acho mal. Pôr brutas fortunas na roleta... ainda menos. Tiroteios já temos, pelo menos que sejam entre pessoal, de smoking, e cheio de papel, para dar um ar "in" a esta desgraçada piolheira.
Nas Autárquicas, aliás, como toda a Esquerda descontente e as bases sólidas do PSD, vou votar em Santana só para provocar confusão, mas já lhe enviei, por email, as minhas condições: demolição, IMEDIATA, do aborto que a Leonor Beleza construiu em Pedrouços -- sim, aquilo é para uma "Fundação" dos Olhos, mas nós não somos cegos... --, e do hotel que está defronte do Centro Cultural de Belém, e, ah, sim, também do Observatório da Droga: sinceramente, não preciso de astrónomos para saber a que horas ela chega, por onde passa e para onde vai.

(Aventado no "Aventar", no "Arrebenta-SOL" e em "The Braganza Mothers")

terça-feira, 28 de julho de 2009

"The Braganza Mothers", no primeiro dia da chegada de Pedro Santana Lopes à Câmara Municipal de Lisboa


Neste blogue praticam-se a Liberdade e o Direito de Expressão próprios das Sociedades Avançadas

"The Braganza Mothers" agradece a visita que José Sócrates nos fez ontem



Neste blogue praticam-se a Liberdade e o Direito de Expressão próprios das Sociedades Avançadas

A Grande Muralha Verde contra o Deserto


Neste blogue praticam-se a Liberdade e o Direito de Expressão próprios das Sociedades Avançadas

VERDE

O Miguel Vale de Almeida quer é "gaijas"!...

Neste blogue praticam-se a Liberdade e o Direito de Expressão próprios das Sociedades Avançadas

Imagem do KAOS

Há uma expressão do senso comum que é o "submarino", um gajo que anda a navegar em águas profundas, mas sempre com o periscópio atesoado, e que, quando lhe cheira a costa das patacas, põe o motor a pegar de empurrão, emerge e atraca de popa. Traduzindo para Português, podemos chamar-lhe Oportunista, embora o seu perfil psicológico profundo seja mais o do "Tartufo", tal qual Molière o retratou.
O "Cherne" era um clássico exemplo da coisa.
Confesso que não sabia quem era o Vale e Azevedo, perdão, Vale de Almeida, um pouco por incúria minha, porque sempre que chegava a sombra, eu zapava para outro canal, em busca de uma sonata de Prokofiev ou de um Festival de Verão de um país civilizado. Um dia, naqueles horrores da desilusão, em que já descobrimos que não há Pai Natal, obrigaram-me a olhar para a televisão, para ver que o outro não era mesmo o Vale e Azevedo, e não tinha nada a ver com uma versão reciclada daqueles filmes mudos, com uma brilhantina de Rudolfo Valentino e uma soberba de Dona da Rua. Portanto, parei, e perguntei: "quem é esta Dona da Rua?...", e lá me explicaram que vinha das Ciências Flácidas, vulgo ISCTE, e que se achava o máximo, porque ia para a cama com homens.
Achei espantoso, porque conhecia miríades de gajos que se comiam uns aos outros, fosse onde fosse, e não punham aquele ar, aliás, se pusessem aquele ar, ninguém lhes pegava.
Na Sociologia flácida das metamorfoses "gay" há um momento em que a bicha canónica perde o arzinho de adolescente quarentona, de mochila às costas e ar de sobe e desce Chiado, e também perde, por inerência, todos os afetos e atrativos do engate de rua, ou de centro comercial. É nesse momento que sente necessidade de se tornar "palavrosa", e vai para o canal #Gayengates, para o Chat "Bissexual, do "Terravista", ou a pág. 603, do Teletexto da SIC, fazer de tutora das outras, dar conselhos sobres os perigos dos engates de rua e de centro comercial, que já não alcança, e mostrar que o seu escritório, depois de vazio, é o sítio ideal para "falarem".
"Falarem" é a pior coisa que pode haver num engate, cuja espinha dorsal é a rapidez e a ação.
Depois, lá deve haver uns compadrios políticos de alavanca, e, de repente, sofre uma diogoinfantização, e passa a merenda dos programas rascas com verniz cultural, e torna-se referência em todos os programas chatos de televisão, para discutir o preço do Sonasol e as alegrias de um parceiro fixo e totalmente passivo.
Longe vão os tempos em que o Cesariny aviava, de broche, montes de homens casados, e a saudosa "Amélia das Marmitas" era a alegria das horas tardias dos homens das obras do último autocarro da Carris.
Eras.
Miguel Vale e... perdão, Vale de Almeida é uma exceção, já que nunca me enganou: quando começou a aparecer no Bloco de Esquerda, olhei-lhe para a fronha e pensei logo, "tarda nada, tás no PS...", e assim se fez, e deus viu que era bom.
Miguel Vale de Almeida é um submarino, e só agora começou a sua emersão, porque, assim como andou a fingir que era do BE, também nos andou a enganar com aquilo de "gostar de homens". Que me lembre, em Portugal, só gostavam de gajos o Villaret, que deus tenha, e o António Calvário, que ainda não se conseguiu comprovar cientificamente, logo, ele, Vale de Alemida quer é ir para a Assembleia da República tão só para ir comer "gaijas", a pretexto de fazer parte das quotas do "atracar de popa"... Eu explico: com a escassez de mundo em que vivemos, com toda a gente a saber a vida uns dos outros e a assobiar para o ar, nada de mais fácil do que o Miguel Vale de Almeida se sentar ao pé daqueles deputados de vida dupla... dupla?... Tripla, e começar a insinuar-se, com ar de chantagem, do estilo, ou me dás o que eu quero, ou eu ponho a boca no trombone... Trocado por miúdos, Miguel Vale de Almeida andou a disfarçar este tempo todo que queria ir para a Assembleia para comer as "gaijas" dos casamentos brancos dos representantes da República. Assim, de cada vez que o virmos, à socapa, levantar-se do seu cadeirão, e ir, muito maneirinho, por ali fora, sussurar qualquer coisa a um dos colegas parlamentares, já se saberá que ele está a pressioná-lo, estilo, ou me dás a tua gaija" para comer, ou eu ponho a boca no trombone...
Isto vai ser mais renovador do que uma revisão constitucional, já que, enquanto para os eleitores ele vai ser o deputado das minorias, para as pessoas informadas, como eu e os nosso leitores, vai ser como enfiar a raposa na capoeira, e a alegria de muitas "gaijas" já desenganadas.
Há, evidentemente, o lado social e caritativo da coisa, e, por isso, não devemos já começar a atirar pedras: imagine-se que ele se levanta do seu Centrão, e se vai sentar ao pé do Paulo Pedroso... já nós saberemos que ele vai para lhe comer a "gaija". Será um suspiro de alívio para ambos, Pedroso e respetiva fêmea, já que há males que vêm por bem... Se, por acaso, como espero, Sócrates vier a ser o próximo Primeiro Ministro, ladeado pelos Vice Primeiros Ministros e Ministros de Estado, Manuela Ferreira Leite e Francisco Louçã, e Vale e Almeida se levantar, no meio de um debate quinzenal sobre o estado do desastre da Nação, todos saberemos que ele vai dizer ao "Prime" que lhe quer comer a "gaija". Alívio para Sua Excelência e simultaneamente para a Câncio, que não vê o padeiro desde os tempos em que o pão era ázimo...
Depois disto, só a Pasta da Cultura, que será muito bem merecida.

(Aventado no "Aventar", no "Arrebenta-Sol" e em "The Braganza Mothers")

O Egito procura Rodrigo Calazans, nu, pelado e naked


Neste blogue praticam-se a Liberdade e o Direito de Expressão próprios das Sociedades Avançadas

segunda-feira, 27 de julho de 2009

Agricultores saem à rua contra a nossa colega de voz melosa da Agricultura


Neste blogue praticam-se a Liberdade e o Direito de Expressão próprios das Sociedades Avançadas

SIM, ELA MAMA...

Neurological Dreams




Neste blogue praticam-se a Liberdade e o Direito de Expressão próprios das Sociedades Avançadas

Brüno encontra-se com Paris Hilton, e fala dos arrepios que lhe provocam as bancadas cheias de homens do Santiago Barnabéu




Neste blogue praticam-se a Liberdade e o Direito de Expressão próprios das Sociedades Avançadas

Boas Novas: com as Eleições em Setembro, só vai haver reduções de salários em Abril. Aleluia!!!...


Neste blogue praticam-se a Liberdade e o Direito de Expressão próprios das Sociedades Avançadas

ALELUIA!!!...

Malan Bacai Sanhá apresenta ligeira vantagem sobre Kumba Ialá. Já declarou: "na Guiné, só há lugar para um de nós dois..."


Neste blogue praticam-se a Liberdade e o Direito de Expressão próprios das Sociedades Avançadas

Malan Bacai Sanhá vencerá!...

Carla Bruni recebeu os jornalistas completamente nua, e anunciou que Sarkozy está quase bem, e já snifou a coca da manhã


Neste blogue praticam-se a Liberdade e o Direito de Expressão próprios das Sociedades Avançadas

JÁ ESTOU BEM, GRAÇAS A DEUS

High Sky


Neste blogue praticam-se a Liberdade e o Direito de Expressão próprios das Sociedades Avançadas

Os objectos socialistas-berloquistas. Vergonhoso!

Neste blogue praticam-se a Liberdade e o Direito de Expressão próprios das Sociedades Avançadas

"Acabo de ler no DN de hoje num artigo da Lília Bernardes em que a ministra da cultura deste governo de alguns tempos atrás, a Drª Isabel Pires de Lima, uma pessoa até com ligações familiares à Madeira, terá respondido, face a um dos requerimentos de deputados do PSD/M sobre o pedido de transferência de documentos do Arquivo da Torre do Tombo relativos à Madeira para o arquivo regional, que não daria prosseguimento ao dito requerimento porque "Portugal (também) não transferiu os documentos relativos às ex-colónias para os seus países". (...)"

A prova como os Socialistas consideram a Madeira uma colónia do continente!

Vídeo feito à medida

Neste blogue praticam-se a Liberdade e o Direito de Expressão próprios das Sociedades Avançadas



Resposta ao vídeo que o "Unir Lisboa" fez contra ao Dr. Santana Lopes. Quem é que mente?

Terça-feira há mais...

Bem vindo


Neste blogue praticam-se a Liberdade e o Direito de Expressão próprios das Sociedades Avançadas

A Campanha mais badalhoca desde o bidé de Dona Urraca

Neste blogue praticam-se a Liberdade e o Direito de Expressão próprios das Sociedades Avançadas

Imagem do KAOS

A crise começou a meio da tarde, quando o Alberto João apontou a luneta que costuma usar para ver as gajas descascadas nas piscinas dos "decks" dos paquetes que escalam o Funchal, e começou a erguer-se uma coisa nos ares, que ameaçava provocar o maior eclipse solar do século. O Alberto pensou duas vezes, e disse, "espera lá, que aquilo deve ser coisa do Cont'nente, vou já buscar a caçadeira e matar aqui dois melros..."

Meu dito, meu feito.

Alberto João Jardim, célebre por disparar palavras, mostrou-se exímio atirador. Em tempos normais, com cegos em Santa Maria, contentores em Alcântara, o tráfico de armas e droga a decorrer normalmente, a coisa poderia ter passado despercebida. Acontece que vai ser a epígrafe da campanha mais porca a que iremos assistir. Por mim, na boa, e todo o nosso vocabulário vai passar a ser polido, face aos horrores que deitarão da boca para fora políticos que, pela primeira vez, desde 1975, podem dar largas à sua imaginação. É bom que saibamos o que realmente se esconde por debaixo do politicamente correto, para não pensarmos que o mundo é mesmo assim.

Um dos nossos colaboradores mostrou-se escandalizadíssimo com os estertores da Clara Ferreira Alves: suponho que seja por nunca a ter visto nua, previlégio que já me foi dado, que então é que ele perceberia o que é Bosch, o pintor, na Política. Lá diz o ditado popular, cada cabeça sua sentença, cada cona seu corrimento, e é a altura de as sentenças serem integralmente substituídas pelos corrimentos.

Entre os desastres das Legislativas e o desastre, esse, sim, final, das Autárquicas, vamos assistir a milhares de ratos a transitar de plataforma em plataforma política, já que, como Diogo Feio disse -- esse, ao menos, tem um apelido que é mesmo para falar verdade, como diria a Leite... -- estas vão ser as Eleições mais livres de sempre, e vão, porque como o essencial é evitar que haja maiorias de qualquer espécie, os parolos da Abstenção vão-se abster, e os letrados do voto vão regressar às suas famílias políticas, calmamente, sem a preocupação do voto útil, e à espera de um Parlamento em que as coisas estejam de tal modo estilhaçadas que seja ingovernável. A Bélgica, um país rico, sobreviveu assim, décadas, sem maiorias, sem governo, e vive 5 vezes acima do nível desta piolheira. Talvez fosse uma boa experiência política, estarmos alguns anos sem governo, com o Aníbal a fazer aquelas bocas, em Belém, e a Maria a marcar bilhetes pela Net para Bayreuth, convencida de que ia a algum festival de valsas de Strauss.

A Síndroma de Joana Amaral Dias é mais complexa, porque o Louçã, que até suponho nem seja parvo, subitamente começou a descobrir que tinha um partido que era uma merda, e que era utilizado por toda a casta de oportunistas para se pendurarem no poleiro seguinte, mal soasse a hora. Até agora, só teve recaídas no PS, mas não tardarão a aparecer as suas zitas seabras, e algumas gajas a derivarem para os braços do Nuno Melo, o próximo brilhante orador que se segue. A carne é fraca e a vulva, de ambos os sexos, volátil.

Nesta primeira leva, saíram os zés que faziam falta, a mais do que medíocre Inês de Medeiros e a bicha do levar no cu asseticamente, com luvas brancas e um controlador, "on-line", para ver se a fricção não corrompe o preservativo e há algum imprevisto derrame de HIV. "Next on", e geme que nem uma cadela. Na fase seguinte, quando houver cinco blocos políticos com massas parlamentares muito próximas, vai começar a segunda debandada, a chamada crise do Queijo Limiano, em que serão comprados, com missangas, para passarem de um lado para o outro. Manuel Alegre, com a grandeza que lhe é habitual, saiu pela porta grande, com a promessa de um lugar de destaque no Museu de História Natural, de Nova Iorque. Confessemos que mereceu.

Joana Amaral Dias, por fim, mais uns quantos despentados, vão ficar para apagar as luzes, depois de ter sido exposta toda a marginalidade que subjaz a cada candidato, de as licenciaturas ao domingo e "os outros colos" serem explorados "ad nauseam"; de se descobrir que, à falta de homem, a Câncio tinha um "off-shore" entre as pernas, e que o João Galamba, afinal, era o neto maçónico de Vítor Constâncio, através da barriga de aluguer do filho, João, outra das sombrias nódoas académicas, etc e tal.

Suponho que quando a coisa estiver mesmo mal, desenterrem o Soares, a "Chorona", o Balsemão, o Adriano Moreira, o Freitas, para tentarem vir repor ordem na coisa, mas isso já quando a Helena Roseta estiver pegada, em puxões de cabelos, com aquela gaja horrível, que parece uma salamandra, e é a cabeça de Lista do BE, e mais "A Pegajosa", aquela que fala da Europa com boca de bicos, e que vai levar, em Oeiras, um escaldão nas tetas, completamente dado pelo Isaltino, betonador.

De aqui para baixo, tudo é pior, com a exceção da Maria Emília, de Almada, que vai reinar, na primeira Assembleia Municipal, sem vereadores do PS, que vai reinar, dizia eu, das ruínas da Lisnave à Trafaria. Paulo Pedroso vai-se safar bem, e arranjar logo uma Gripe dos Porcos, no início da Campanha, para não lhe acontecer nenhuma... desgraça. Contactará os eleitores via TV, Net, e folhetos distribuídos pelas Voluntárias de Jeová, mas nada de comícios. Portugal é dócil, e não quereria que nada de mau lhe sucedesse... Ficará então sozinha a Maria Emília, que levará os netos ao miradouro, e lhes porá a luneta nas unhas: "do alto deste miradouro, filhinhos, quarenta hectares urbanizáveis vos contemplam, e são todos da vovó!..."

"Ó, vó, quem é aquele senhor, naquele Palácio cor de rosa, em Lisboa, que está a fazer boquinhas em "O"?...

"Aquele senhor, meu netinho, é o Senhor Aníbal, que veio de Boliqueime tentar a sorte na cidade, mas não evoluiu em nada. O que Boliqueime deu a tumba levará. É uma espécie de ampulheta: sempre que olharem para ele, escusam de olhar para o relógio, é um bom medidor do tempo que falta para passarem 10 anos de mandato".

Mais dez anos perdidos das nossas curtas existências, obviamente.

(Arrebentado no "Aventar", no "Arrebenta-SOL", no "Democracia em Portugal", no "A Sinistra Ministra", em "The Braganza Mothers" e no "Klandestino" )

"The Braganza Mothers", no dia em que Sarkozy foi seriamente avisado de que snifar coca e fazer "jogging" são duas atividades incompatíveis


Neste blogue praticam-se a Liberdade e o Direito de Expressão próprios das Sociedades Avançadas

domingo, 26 de julho de 2009

Os 900 Anos de D. Afonso Henriques. Nessa altura, o vende pátrias, Manuel Alegre, ainda não o comparava a José Eduardo dos Santos


Neste blogue praticam-se a Liberdade e o Direito de Expressão próprios das Sociedades Avançadas

Imagem do KAOS

900 ANOS

A escassas semanas de entregar a alma ao criador e regressar ao Inferno, Lurdes Rodrigues já começou o seu desmame...


Neste blogue praticam-se a Liberdade e o Direito de Expressão próprios das Sociedades Avançadas

"MAIS IMPORTANTES DO QUE AS PESSOAS SÃO AS POLÍTICAS". COM CERTEZA...

Aníbal abandona Salzburgo, depois de Maria ter insistido em ver Mozart, e lhe terem dito que ele "estava de férias" para a despacharem...


Neste blogue praticam-se a Liberdade e o Direito de Expressão próprios das Sociedades Avançadas

Imagem KaOS

AS INÚTEIS VIAGENS DO BIMBO DE BOLIQUEIME. SABE QUAL A DIFERENÇA ENTRE DEUS, MÁRIO SOARES E ANÍBAL CAVACO SILVA?... É QUE DEUS ESTÁ EM TODA A PARTE, MÁRIO SOARES JÁ ESTEVE, E O ANÍBAL TAMBÉM GOSTARIA, MAS NÃO SABE ONDE FICAM...

Sai fiel à sua obsoleta vaidade. Compete aos Portugueses tornarem-na ainda mais obsoleta nas próximas Presidenciais


Neste blogue praticam-se a Liberdade e o Direito de Expressão próprios das Sociedades Avançadas

Via "Público"

O Ferreira-Leitismo, como forma suprapartidária de ministrar o Avastin a 10 000 000 de parolos

Neste blogue praticam-se a Liberdade e o Direito de Expressão próprios das Sociedades Avançadas

Imagem do KAOS

Já escrevi um texto primo deste, mas agora vem o familiar.
Poucas coisas temos tão certas como sair uma atmosfera ferreira-leitista das Eleições de Setembro. O mais extraordinário é que poderá ser a linha orientadora de um governo tripartido, PS/BE/PSD, ou PS/CDU/BE. Como diria o Cínico, até nos podemos arriscar a ter um ferreira-leitismo de "Esquerda".
O Ferreira-Leitismo é um ovo de colombo, e consiste em agarrar numa máquina de calcular, somar algumas parcelas, e chegar à conclusão de que se gasta muito mais do que se tem. No Ferreira-Leitismo original, ela poria aquele ar de ostra ressequida, faria o seu sorriso enigmático de engelhada, e diria, "vamos ter de fazer cortes drásticos"...
Bonito vai ser ver, no final do ano, a porta voz do Governo, Ana Drago, por exemplo, aparecer nas televisões, com a sua boquinha de fazer broches a grilos, a olhar-nos bem nos olhos, e a dizer "vamos ter de fazer cortes drásticos"...
Este é o Ferreira-Leitismo de "Esquerda".
A espiral é elementar: entre administrações desmesuradas, obras com custos a mais, consultorias externas, quando lá havia dentro quem já fosse pago para fazer o mesmo, assessores, amantes de levar na boca e nos restantes buracos, parasitas, enteados, filhos de, netos e irmãos de, maçons, opus dei, opus gay, fufas, aleijadinhos, transgender, obras de caridade, gamanços puros e simples e alguns porque-sim, o Estado é uma máquina infernal que se confunde com o ideário da população, e é totalmente igual ao Setor Privado, só que usa papel timbrado.
Aliás, como Epiteto poderia ter dito, em Portugal há o Estado e há o que não é o Estado. Tudo o que não é o Estado aspira a ser Estado.
Com o Ferreira-Leitismo, "ça ira de soi", ou seja, vai-se descobrir que o dinheiro necessário para sustentar o Estado não existe, e isso levará, com uma travagem de mão de sair tudo pelo vidro da frente, a "excendentar" tudo o que não estiver colado pelos elos de compadrio anteriormente descritos. Lá se arranjará uma forma de pendurar esses desgraçados na Segurança Social, o que representará imediatamente um sobresforço para particulares, contribuintes e, claro, o... Estado. Numa imagem simples, serão corridos pela porta da frente, e voltarão a entrar, a correr, pelas traseiras.
Vai ser genial, porque, uma vez limpo o Estado, vamos ter tudo pendurado, de uma forma ou outra, no não-Estado, coisa que vai durar pouco, porque nós não produzimos nada, exceto coisas geralmente reprováveis, e que são motivo de riso lá fora. Teremos, pois, mais alguns tumores, em forma de BPP, BCP e BPN, com calotes monstruosos, e um derrapar cataclísmico do "deficit" de Estado, e, então, o Estado terá de intervir para ajudar o Privado, exaurido por estas excrescências do ex Estado, pelo que todo o Privado passará a integrar, nacionalizado, ou subsidiado, o... Estado.
Suponho que nem Estaline se teria atrevido a ser tão ferreira-leitista como a nova deriva que nos espera, a partir de Setembro...
A fase seguinte é um bocado pior, porque será o ciclo anterior, mas em grande e mau, a acabar depois numa espiral de canibalismo, de jovens desempregados a matarem a avó para ficarem com a casa, mais os brasileiros a quem ela alugou quartos a 200 € por cabeça, de velhinhas de 80 anos a calcetarem as ruas e a receberem, ao fim do dia, como paga, uma injeção atrás da orelha, para limpar os excedentes populacionais.
Confesso que já me estava a deixar levar pela escrita: adoro previsões e premonições, mas vamos à Realidade. Ao contrário de outros dirigentes partidários Manuela Ferreira Leite mostrou ser visionária: há semanas, quando lhe perguntaram se tinha reparado que a Socratina andava mais simpática, disse que "só se fosse cega é que não tinha visto".
Já era um piscar de olho ao "Avastin", e o "Avastin" faz parte de uma síndroma mais vasta do que o ferreira-leitismo: é o espírito nacional do "é-perigoso-mas-temos-de-gastar-os-estoques-todos-já-que-estão-comprados". Assim foi com a Leonor Beleza e os lotes de sangue contaminado, assim será com o "Avastin", que provocou cegueira, mas deve continuar no mercado (!).
São estes deliciosos pormenores que aumentam o meu prazer de estar a chafurdar nesta desgraçada contemporaneidade. Aliás, se contar bem as coisas, este país nunca me deu nada, exceto aquele meu diploma da quarta classe antiga, concluído num Domingo de Ramos, e uma promessa de desemprego, de aqui a meia dúzia de meses.

(Aventado no "Aventar", no "Arrebenta-SOL", e em "The Braganza Mothers")

"The Braganza World", no dia em que Sócrates apresentou para mais 5 anos o programa de governo que desgraçou Portugal nos últimos 4


Neste blogue praticam-se a Liberdade e o Direito de Expressão próprios das Sociedades Avançadas

sábado, 25 de julho de 2009

E porque hoje é sábado, Cristiano Ronaldo nu, pelado, depilado e naked a ser fistado em Formentera


Neste blogue praticam-se a Liberdade e o Direito de Expressão próprios das Sociedades Avançadas

A gripe dos Porcos já chegou aos politicos?

Manuela Ferreira Leite, líder do PSD faltou esta sexta-feira a um encontro partidário de preparação do programa eleitoral, no Porto. De acordo com José Pedro Aguiar-Branco, vice-presidente do partido, a presidente «está com gripe». Para o próximo domingo estava prevista a sua participação na festa do PSD/Madeira, no Chão da Lagoa.

Será que a gripe já voltou às suas origens ou simplesmente a Manelinha e está a utilizar a "politica de verdade" como forma de não ter de ir aturar o João Jardim para o Chão da Lagoa?

Comunicado candidatura de Pedro Santana Lopes

Neste blogue praticam-se a Liberdade e o Direito de Expressão próprios das Sociedades Avançadas

Tomámos conhecimento do vídeo publicado hoje no site "Unir Lisboa", pela candidatura de António Costa.
Registamos o nível e a metodologia da peça online.
Cada inverdade nela contida será esclarecida, de forma educada e objectiva, domingo à noite.

Entretanto lembramos que, na próxima Terça-Feira, dia 28 de Julho, Pedro Santana Lopes e António Costa vão ter um debate na estação de televisão SIC e SIC-Notícias.

Lugares na Liga - O circo está montado para 2009-2010

Neste blogue praticam-se a Liberdade e o Direito de Expressão próprios das Sociedades Avançadas


Arnaldo Marques da Silva, presidente do Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol, órgão que decidiu punir o Sporting e também o Benfica com pena de derrota na última jornada do Nacional de Juniores, é benfiquista e esteve na casa do clube em Palmela a 22 de Julho de 2007, onde de resto discursou.

Arnaldo Marques da Silva é advogado há mais de 30 anos e presidente do Conselho de Disciplina desde 2000. É licenciado pela Universidade de Coimbra em direito desde 1978.

A Lista que mais parecia uma serapilheira


Imagem do KAOS

Com o Bêbedo da Anadia definitivamente fora da Assembleia da República, para se poder dedicar, a tempo inteiro, à Reeleição de Cavaco Silva, o País ficou com uma espécie de vazio no estômago.
Felizmente há PS, e José Sócrates, uma mente muito inventiva, um "expert" em Inglês Técnico, como tinha listas em pura forma de queijo gruyère, resolveu começar a tapar tudo, com massa de pão molhado nas sarjetas.
Como Lisboeta, interessaram-me as soluções lisboetas, que acho brilhantes.
Para fazer "pandam" com Paulo Pedroso, na Margem Sul, a Senhora de Jaime Gama, que nunca se percebeu muito bem que papel tinha no "Casa Pia", mas que, graças a deus ("Deus" é o nome de código que o Tribunal da Relação tem nos rituais maçónicos...) saiu branqueada, como o seu afilhado, Pedroso, encabeça Lisboa, para mostrar que o teste do algodão nunca enganará, e que os únicos enganados e insultados de parvos continuamos a ser nós. O seu lugar, todavia, é fraco, já que é só a ponta do icebergue, e a parte interessante vem sempre atrás. Como o bacio raramente vem sem recheio, aparece uma tal Inês de Medeiros, que um amigo meu já classificou como "a aluna mais estúpida que alguma vez lhe passou pelas mãos", e que teve a sorte de não ter passado pelas minhas, porque geralmente sou melhor apostador de carimbos, e acho que ela nunca mais se endireitava, mas adiante... No sétimo lugar, vem uma bicha presunçosa, daquelas do politicamente correto, do maridinho em casa, do discutir com a sogra o preço do "Sonasol" e de achar que a promiscuidade é uma coisa muito feia.
Desde que o Mundo é Mundo que a Promiscuidade moveu as Nações, e não é por acaso que Catarina, a Grande, governou em grandeza, pelo estar sempre de perna aberta; que Messalina geriu, de alto, e deitada, a sua época; que Casanova escreveu o que escreveu, por ter passado por cima de tudo o que era gaja, e por debaixo de tudo o que era homem; mais o Sade, mais... enfim, todos, todos, exceto aqueles que não contribuíram, em nada, para a Epopeia Humana, como a Irmã Lúcia, a Sãozinha e o Clube das Virgens, uma excentricidade do início do séc. XXI português, que bem precisava de um petardo nos hímens...
Ora, vir uma bicha presunçosa falar de seriedade é mais uma dúzia de passos atrás, quando do que precisávamos era de um empurrãozinho, um pequeno empurrãozinho, para podermos chegar à Média Europeia. O aparecer dessa criatura, a reboque de Jaime Gama, arrisca-se a uma regressão temível: após 6 anos de lutas, a tentar separar homossexualidade e Pedofilia, toca agora de enfiar no mesmo comboio um gajo que ficou com fortes suspeitas da segunda a rebocar um que acha que a primeira dá... "status". No tempo dos meus antepassados, levar no cu era só mais uma maneira de estar no Mundo. Hoje em dia, pretende ser um..."pedigrée".
Não contem comigo.
Sócrates, um provinciano de Vilar de Maçada, que veste "Boss", tal como poderia vestir qualquer coisa dos manequins da Rua dos Fanqueiros, que lhe assentaria igualmente mal, acha que é "moderno", ao incluir uma estúpida, para tapar buracos, e uma "lady", para fingir pluralismo sexual. Ninguém precisa de pluralismos sexuais, precisávamos é de que não tivesses andado 4 anos a pagar uma campanha nas revistas cor de rosa, a fingir que tinhas uma eterna "namorada". Não era o Vale não sei dos quantos Almeida que devia estar no sétimo remendo da tua lista: eficaz, talvez, era que tu aparecesses, a dar a cara, no sétimo lugar da eleição dos corpos dirigentes da "ILGA". Aí, sim, a sexualidade de Estado, como acontece nos países civilizados, teria saído do armário. Fica para de aqui a 100 anos.

(Tríptico no "Aventar", no "Arrebenta-SOL" e em "The Braganza Mothers")

Vídeo de António Costa bate recordes no "The Braganza Mothers"



Neste blogue praticam-se a Liberdade e o Direito de Expressão próprios das Sociedades Avançadas

"Correio da Lola" - A Gripe A também está a afetar o Conde Redondo?...

Neste blogue praticam-se a Liberdade e o Direito de Expressão próprios das Sociedades Avançadas

Querida Lola:

Sou enfermeira no Santa Maria, e faço umas horas no Particular, sempre que entro de baixa no Santa Maria: preocupo-me imenso com as minorias, e gostaria de saber como estão a resistir à Gripe A, aí, nas esquinas do Conde Redondo

(Ausenda de Deus Pinheiro, Santa Maria, Lisboa)

Querida Ausenda:

Antes de mais, um reparo: nós não somos uma minoria, somos cada vez mais, e de todas as raças, cores e credos. Minoria são vocês, nesse rol de baixas permanentes, que tem destruído o Serviço Nacional de Saúde, e que o contribuinte paga... Quanto à Gripe A, sabe, querida, temos anos e anos de dar o couro, já não acreditamos no Pai Natal, e a tesão é sempre mais forte do que qualquer atchim. Se há setor que nunca se ressentirá dessas doenças da Sociedade da Informação, criadas para enriquecer uns quantos capangas da Indústria Farmacêutica, é o da Alimentação, mais o nosso, o ramo de comer e ser comida. Quer que lhe diga mais: antes da Gripe, já eles vinham para aqui de vidros foscos e cara tapada, de maneira que, raramente, lhes conhecia a fronha. Se começarem a aparecer agora de máscara branca é mais uma manha para não serem reconhecidos, embora eu conheça imediatamente muitos pela voz, sobretudo os daquelas entrevistas fanhosas que eles dão à Liga, dos palavrões que chamam aos árbitros, e dos discursos nos debates quinzenais do Estado da Nação. São gente da casa. Novidade, novidade, foi um Suíço, que há três meses já estava a ganhar fortunas com uma coisa que ele dizia que era a "vàcina" para a Gripe A. Aí, eu perguntei-lhe se era mesmo verdade, e ele, já com as calças pelos joelhos, vira-se para mim, a dizer, "olha, filha, se fosse verdade, eu, que produzo essa porcaria que vai ser aí vendida nas prateleiras dos hipermercados, para arruinar os Estados e as populações, não estava aqui tão descansadinho, de calças arriadas e cu estendido, à espera daquilo que a minha patroa não me pode dar... Estás a ver alguma máscara na minha cara?... Eu nem preservativo, quanto mais máscara..." Fiquei "vàcinada" com esta resposta, filha, e espero que a menina também...

A Gripe A, o novo instrumento de Bilderberg, para enriquecer uns quantos, destruir o resto da Economia e a hipótese das massas em fúria ganha terreno


Neste blogue praticam-se a Liberdade e o Direito de Expressão próprios das Sociedades Avançadas

ESPIRRE E MORRA NA GUERRA DO AFEGANISTÃO, PARA CUMPRIR AS METAS DE BILDERBERG

"The Braganza Mothers", no dia em que Manuel Alegre abandonou o PS, para se dedicar, a tempo inteiro, à reeleição do seu ídolo, o Aníbal de Boliqueime


Neste blogue praticam-se a Liberdade e o Direito de Expressão próprios das Sociedades Avançadas

Protesto Gráfico

Protesto Gráfico
Protesto Gráfico